no Extremo Oriente ...à descoberta de um novo mundo
Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2007
Confissões
Contava-me a mim própria, mergulhada em recordações doces como tinha chegado à China, como tinha sido o momento em que, sem banda sonora pisei o solo chinês para me deliciar durante um ano, com tudo o que este país tem para nos oferecer.
Uma lágrima de tristeza, porém, porque no fundo é dizer adeus a um local que me ficou muito caro e que guardo cá dentro onde sempre guardamos as coisas especiais.
E nesta viagem anunciada, contava-me também mim mesma, o quão feliz fui nos momentos em que ri de contentamento com pequenas conquistas, com sonhos concretizados, com o mundo em que vivi, que eu mesma construí, por mim, para mim, onde permaneci como um feto no útero de sua mãe rodeado por uma barreira onde o som não passa e em que nada demove semelhante caminhada.

Ter uma vida a prazo é estranho, é construir dia após dia castelos, que sabemos sempre quando se vão desmoronar, embora alguns possam eventualmente ficar de pé porque as redes dos afectos e as teias fortes que sempre resultam, nos acompanham.

Sinto-me enternecida, confusa, baralhada, maravilhada até, com o som que estas luzes ecoam na minha cabeça, com o ofuscar de sons que oiço de manhã e ao deitar, com os cheiros que me entram nas narinas sempre que saio à rua.

A China é um misto de tudo o que conheço e do que não conheço, Pequim é uma cidade enorme cheia de tudo, cheia de muito, de coisas que me confortam e de outras que simplesmente me provocam.

Porque não há lugares perfeitos, nem sensações perfeitas, concluo que este não é um lugar perfeito, mas são perfeitas as transformações que me provoca.

sinto-me:

disse anliang às 08:15
link do post | Digam o que quiserem | favorito

2 comentários:
De Fi a 13 de Dezembro de 2007 às 12:02
OIá Xanita!

Primeiro q tudo segunda cá te espero! Depois... só para te dizer que gostei muito deste Post! Principalmente o último parágrafo!

Bjinhos grandes!


De eloi a 19 de Dezembro de 2007 às 12:20
Oi Xanita!!

Queria dizer-te que gostei deste teu post, assim como gostei de te ler todos estes meses que estiveste fora! Espero ter conseguido passar algum do conforto que tanto nos faz falta quando estamos longe de todos aqueles de quem gostamos.

Cá te espero como muitos dos teus amigos, para que inicies uma nova etapa na tua vida, vida essa que está muito mais rica do que quando partiste! Foste corajosa, e estou certo que os frutos do sacrifício - mais tarde ou mais cedo - irão surgir.

Uma coisa é certa: Tens muitas muitas histórias novas para contar aos teus netos!!!! ;)

Beijinhos,
eloi


Comentar post

Quem sou eu?
Roteiro de Viagem

Até Breve...

2008

The very last countdown

Cores

Macau e Hong Kong finally

Confissões

Papéis

Compras e mais compras

Home alone, almost China ...

Entendimentos a Oriente g...

Countdown...

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Área da Cusquice
Que horas são aqui?
E que horas são aí?
Os Cuscos
   
Janeiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


blogs SAPO
subscrever feeds