no Extremo Oriente ...à descoberta de um novo mundo
Segunda-feira, 29 de Outubro de 2007
4 a menos
Pequim amanheceu frio e solarengo este Domingo. Mas frio daquele que nos enregela se não nos precavermos com um casaco bem quente. O Inverno voltou, para ficar, e quem por cá está é melhor que tire definitivamente do armário os sobretudos e tudo o que houver de mais quente para se proteger.

Pequim, amanheceu hoje, segunda feira, frio e solarengo, com filas de trânsito e pessoas apressadas, que caminham na rua, que pedalam nas suas bicicletas, que se dirigem para um sítio qualquer. Mas estas pessoas são hoje em número menor do que nos últimos 9 meses, são em número menor desde o dia em que puseram o pé nesta terra, pela primeira vez, um grupo de jovens vindos de Putaoya em busca de um sonho anunciado dias antes.

É verdade, a primeira "leva" de contactos C10 que ficaram em Pequim já partiu, e nesta altura já chegou ao ponto de partida, Aeroporto da Portela em Lisboa, à cidade que se despediu deles há cerca de 272 dias. Era esperado, a viagem estava marcada desde o primeiro dia, por isso, quando o tempo se começa a tornar curto e próximo da data X, tudo se torna mais rápido, o nervoso miudinho desponta, ao fim de uma calma soberana de vivências excitantes que duraram um bocado de vida.

As contagens decrescentes há algum tempo que tinham começado, mas acho que para todos, a "moeda só caiu" quando se viram no aeroporto de Pequim, com as malas na mão à procura do gate em que iriam embarcar e passar pelo menos meio dia até aterrarem novamente em terras ocidentais deixando para trás o País do Meio.

Não houve grandes despedidas porque isto foi apenas um até já, um até logo, um até breve. Vemo-nos todos em Lisboa, a capital de Putaoya, para falar, rir e contar a todos e entre todos as aventuras que vivemos 9 meses em Zhongguo. Serviu de despedida o jantar de sexta-feira, no qual nos reunimos todos, com todos, para festejar um aniversário que espero partilhar em breve novamente, e desta vez efectivo, quando eu mesma aterrar também em Putaoya, depois de de lá ter partido dia 14 de Janeiro em aventura desconhecida para me encontrar com quem passou a ser a minha "família chinesa".

Espero que tenham todos chegado bem, e façam favor de descansar bastante porque dia 21 aí nos encontraremos para uma noite que se vai querer muiiiiitooo longa!!!!


sinto-me:

disse anliang às 01:50
link do post | Digam o que quiserem | favorito
|

1 comentário:
De antonio larguesa a 3 de Novembro de 2007 às 03:34
Já cá estou, soltinho, com céu azul, iguarias na mesa, abraços amigos, internet livre... mas tb c saudades da china, claro! see u soon amiga, parabens a voceeeeeee!! ;)


Comentar post

Quem sou eu?
Roteiro de Viagem

Até Breve...

2008

The very last countdown

Cores

Macau e Hong Kong finally

Confissões

Papéis

Compras e mais compras

Home alone, almost China ...

Entendimentos a Oriente g...

Countdown...

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Área da Cusquice
Que horas são aqui?
E que horas são aí?
Os Cuscos
   
Janeiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


blogs SAPO
subscrever feeds