no Extremo Oriente ...à descoberta de um novo mundo
Quinta-feira, 25 de Outubro de 2007
Houve um tempo...
Houve um tempo em que pensámos que tudo ia correr bem, que o mundo era perfeito e as estrelas sempre se acomodavam no céu, nem que fosse apenas para o compor

Houve um tempo em que sorrimos e pensámos que tudo o que era diferente se completava e que nunca havia lugar a puzzles sem peças

Houve um tempo, em que a vida se descomplicava por si mesma, e tudo o que nos passava pelos olhos era absorvido sempre com a máxima intensidade

Houve um tempo em que os olhares se cruzavam com alguma cumplicidade, por vezes, com muita cumplicidade de actos idênticos e prazeres comuns

Houve um tempo em que partilhávamos o corredor da boa vontade e do companheirismo

Houve um tempo em que somados dávamos mais do que as parcelas, porque o céu era azul e as gargalhadas os raios de sol

Houve um tempo que se perdeu pelo caminho que se fez diferente nos entretantos, que se tornou distinto nos percalços e que não ocupará nunca o lugar da peça que falta no puzzle

sinto-me: Absorta em pensamentos líricos

disse anliang às 10:57
link do post | Digam o que quiserem | favorito
|

Quem sou eu?
Roteiro de Viagem

Até Breve...

2008

The very last countdown

Cores

Macau e Hong Kong finally

Confissões

Papéis

Compras e mais compras

Home alone, almost China ...

Entendimentos a Oriente g...

Countdown...

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Área da Cusquice
Que horas são aqui?
E que horas são aí?
Os Cuscos
   
Janeiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


blogs SAPO
subscrever feeds