no Extremo Oriente ...à descoberta de um novo mundo
Sexta-feira, 10 de Agosto de 2007
China em África - Que significado pode ter?
Esta, é de todas as temáticas relacionadas com a China, a que mais estranha, ou pelo menos a que mais recente possa parecer. Ainda antes de pensar que viria para a China, saiu um mega artigo no Courrier Internacional sobre este assunto, que retratava especificamente o caso de Angola e do investimento que a China se encontrava a fazer neste território. Desde então, cada vez mais se ouve falar do tema sobretudo porque a China se tem virado para os países africanos, não só como emissor de valores elevados de investimento como também porque este designado por "súbito interesse" tem despertado a desconfiança por parte de alguns sectores da política internacional. A mim despertou-me o interesse na altura em que li o dito artigo, primeiro porque estava a estudar a China, por razões que se conhecem, e depois porque me parecia interessante, que um pais dito do terceiro mundo estivesse com avultados investimentos em outros que conheciam agora também, algum desenvolvimento económico. Poderá  tratar-se um jogo de Win-Win , em que os benefícios vão para ambos os lados?

Pois, bem, fui convidada a estar presente num fórum de discussão sobre este mesmo tema. Naturalmente que me despertou toda a curiosidade: ver abordado este assunto no país em questão, não poderia calhar melhor. Fui. Estava imensa gente, a grande maioria, cerca de 90% dos presentes ex-patriados que trabalham em Pequim nesta ou naquela empresa, Câmaras de Comércio entre outros. Além de uma oportunidade para networking , foi uma excelente oportunidade para ouvir os interessados defenderem as suas posições.

Foram apresentadas três visões deste interesse da China por África: a versão chinesa, africana e a dita europeia. A China alega que o interesse por África decorre do seu crescimento económico e da sua aposta em mercados emergentes. Defende-se das acusações de neocolonialismo respondendo que as suas intenções de ajuda a África e o seu interesse nada tem que ver com o que a Europa insinua. A posição de África é receptiva ao interesse chinês, que diz já ter alguma história, sobretudo pelas possibilidades que são colocadas ao dispor de países tais como a Somália.
Para a Europa, esta é uma relação nova, que não tem bases históricas e que é apenas sinónimo de interesse económico, não de ajudar, sobretudo porque a China não tem participado nas contribuições financeiras dadas a África. Na realidade isto pode significar um já antigo conflito entre Europa e Ásia, porque para a Europa, África sempre representou o continente que apenas serviu para colonizar e explorar ou ajudar, nunca para investir sem intenções terceiras....e a Ásia, estará supostamente a ocupar o seu lugar.

Para não cometer errados juízos de valor, para mim ainda é prematuro constituir alguma ideia sólida sobre esta relação, o que sei, é que na China cada vez mais pessoas aprendem línguas estrangeiras, nomeadamente o Português sobretudo por causa do interesse económico do país nos países de expressão portuguesa. O futuro destas relações não sei qual será, apenas podemos de facto concluir que, com o poderio económico que a China apresenta e com os níveis de crescimento e da também crescente necessidade de fazer face às vicissitudes de ter uma população tão numerosa, investimentos em países cujos recursos são abundantes representam uma aposta ganha à partida, e também  lucrativa. Se disso conseguem ou querem fazer uma política de acção Win-Win cá estaremos para ver, mas seria uma das hipóteses para a China consolidar a sua posição nas Relações Internacionais enquanto estado participativo e doador na ajuda a ter um mundo mais igual.

sinto-me: Numa de Intelectualóide
música: Celtic Wonam - Caledonia

disse anliang às 08:34
link do post | Digam o que quiserem | favorito
|

1 comentário:
De Jorge Pires a 11 de Agosto de 2007 às 15:44
Bom artigo.
Gostei!
Continua.


Comentar post

Quem sou eu?
Roteiro de Viagem

Até Breve...

2008

The very last countdown

Cores

Macau e Hong Kong finally

Confissões

Papéis

Compras e mais compras

Home alone, almost China ...

Entendimentos a Oriente g...

Countdown...

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Área da Cusquice
Que horas são aqui?
E que horas são aí?
Os Cuscos
   
Janeiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


blogs SAPO
subscrever feeds