no Extremo Oriente ...à descoberta de um novo mundo
Terça-feira, 15 de Maio de 2007
Juízos? Para quê?
O Erro no Juízo

Porque é que se erra tanto no juízo sobre nós? Porque quando realizamos uma obra damos o máximo que temos. Acima disso é o invisível. E só quando isso se nos torna visível poderemos medir a distância a que fica o que fizemos. Para ajuizar do que é inferior é preciso ser-se superior. É por isso que um imbecil facilmente se julga um génio. À cautela, portanto, o melhor é não nos julgarmos...

                                                
Vergílio Ferreira, in 'Conta-Corrente IV'

E é por tudo isto que é importante deixar alguma coisa feita, alguma obra por mais singela que seja. É por isto que é fundamental que as pessoas deixem de julgar os outros como se soubessem a verdade suprema do que quer que seja, que é preciso respeitar opiniões e formas de estar. Porque viver é isso mesmo, é olhar para os outros com o mesmo respeito com que queremos que olhem para nós, e sorrirmos de nós para nós com vontade de cada vez ir mais longe, mesmo que esse longe seja atravessar a rua.

Há 4 meses que vivo e estou na China. Há 4 meses que não vejo os meus amigos nem a minha família. Há 4 meses que apenas oiço as suas vozes pelo telefone e leio as suas palavras em e-mails e no messenger. Há 4 meses que a minha vida deu uma grande volta, não sabendo ao certo quanto tempo vai esta aventura durar.

Há 4 meses que tudo começou a fazer muito mais sentido, o sentido de que queremos sempre ir mais além, de que queremos sempre e devemos sempre ser nós mesmos em tudo o que fazemos e que por isso damos sempre o nosso melhor, e isso, é o reflexo de quem nós somos.



música: Keane - A Heart to hold You

disse anliang às 11:02
link do post | Digam o que quiserem | favorito
|

5 comentários:
De João a 15 de Maio de 2007 às 11:54
As tuas palavras fazem realmente pensar...
Quanto à parte do "não sabendo ao certo quanto tempo vai esta aventura durar", espero que obviamente (e agora vou ser egoísta; acho que também o posso ser de vez em quando...) dure o mais rápido possível! Quero-te de volta como nunca!
Beijos deste eterno apaixonado.
João


De patrícia a 15 de Maio de 2007 às 13:12
olá,

Não encontro o seu contacto. Por favor escreva-me para lei_mod_si@yahoo.co.uk para que possa entrar em contacto consigo. Estou em Macau e queria fazer-lhe um pedido

patrícia


De Jorge Pires a 7 de Junho de 2007 às 22:01
Ah, então pelo comment do João, pressuponho que ele está na terra dos Tugas tendo "apenas" ido fazer-te uma visita à terra-mãe do mandarim, certo?


De anliang a 8 de Junho de 2007 às 09:29
Sim Jorge, o João está aí em Putaoya. Estev cá 2 semanas a fazer-me uma visita!


De Jorge Pires a 8 de Junho de 2007 às 20:02
Okapa ;-)


Comentar post

Quem sou eu?
Roteiro de Viagem

Até Breve...

2008

The very last countdown

Cores

Macau e Hong Kong finally

Confissões

Papéis

Compras e mais compras

Home alone, almost China ...

Entendimentos a Oriente g...

Countdown...

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Área da Cusquice
Que horas são aqui?
E que horas são aí?
Os Cuscos
   
Janeiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


blogs SAPO
subscrever feeds